Seja Bem-vindo!!!...ao sair não me esqueça!!! Volte sempre!!!

Sejam Bem-vindos!!!

Sejam bem-vindos!!!Obrigada por estarem aqui. Vocês são especiais!!!














domingo, 2 de dezembro de 2012

ORIGAMI – Arte e terapia


Eu sempre gostei de dobraduras. Quando criança eu aprendi a fazer um sapinho de origami e no decorrer da minha infância e adolescência, sempre que eu me sentia um pouco triste e estressada, procurava relaxar dobrando meus sapinhos. Aprendi também a fazer o tsuru (O mais famoso dos origamis: Tsuru, ave sagrada do Japão. Diz a lenda que ele vive mil anos e tem o poder de conceder desejos. Se uma pessoa dobrar mil Tsurus e fizer seu desejo a cada um deles, ele será atendido.)
Ro@rte Origami
 O tempo passou. Há alguns anos atrás eu estava passando por uma fase meio depressiva e procurando algum tipo de arte para fazer, distrair e relaxar, eu voltei a fazer origamis. E assim eu entrei novamente em contato com esta arte que prá mim é uma verdadeira terapia, pois sempre tive que lidar com a ansiedade. Eu me encantei de vez pelas dobraduras. Eu amo origami, os meus preferidos são os Kusudamas (A kusudama foi originalmente concebida para deixar o ar perfumado e para ajudar na cura de doenças ou afastá-las. Daí, kusu (remédio) + Dama (bola). Dentro dessas bolas, que ficavam na cabeceira das camas, eram colocadas ervas aromáticas. O simbolismo do cordão abaixo da kusudama pode ser explicado da seguinte forma: imagine a kusudama como uma esfera contendo a energia da cura; o cordão serve para dirigir essa energia para a pessoa abaixo ou para o ambiente. Normalmente, esse cordão é feito apenas com um pingente que, por seus fios, ajuda a distribuir e espalhar a energia do kusudama. O cristal simboliza melhor a energia que sai da kusudama. Como a água que escorre por um fio, os cristais coloridos representam algumas dessas gotas que concentram e que brilham com a luz. O cristal, no fim, concentra a energia para quem está abaixo e pode ir para o ambiente quando a luz passar por ele, como um prisma, dividindo um raio de luz em vários.) Além de enfeitar o ambiente, ainda trazem boas energias.!!!

domingo, 12 de agosto de 2012

Tenha uma boa convivência...

- Abriu, então, por favor,  feche;
 -Desarrumou, fazer o quê? por favor arrume;
-Sujou, você vai esperar alguém limpar? então ... por favor: limpe né;
-Quebrou, ninguém quebra nada por querer... se tiver jeito, então  por favor conserte;
-Vai usar algo alheio, faz parte da boa educação  pedir licença, obrigado;
-É de graça,  se não está pagando por isto então... por favor não desperdice;
-Errou, errar é humano, mas por favor... assuma;
-Pediu emprestado, não é seu, então devolva por favor;
-Não sabe como funciona, procure saber primeiro, por favor...não mexa;
-Prometeu,  promessa é dívida, então por favor cumpra;
-Não é de sua conta então por favor... não se intrometa;
-Não pode ajudar, então faça o seguinte: não atrapalhe, obrigado;
-Contraiu dívida, comprou, então por favor...pague;
-Começou,então, desculpe, mas por favor termine;
-Usou,  foi útil ou não, então por favor guarde;
-Ofendeu... não devia, então  peça desculpa, por favor;

 Faz parte das boas regras de educação, usar sempre as palavras:

Obrigado, com licença, desculpe, por favor.

 



Regrinhas básicas para Bem Viver.

1- Tenha controle de sua língua. Sempre diga menos do que pensa. Cultive uma voz baixa e suave. A maneira como se fala muitas vezes impressiona muito mais do que aquilo que se fala. 

2 - Pense antes de fazer uma promessa e depois não de importância ao quanto lhe custa. 

3 - Nunca deixe passar uma oportunidade para dizer uma coisa meiga e animadora a uma pessoa ou a respeito dela. 

4 - Tenha interesse nos outros, em suas ocupações, seu bem-estar, seus lares e famílias. Seja alegre com os que riem e lamente com os que choram. Deixe cada pessoa com quem encontra, sentir que você lhe dispensa importância e atenção. 

5 - Seja alegre. Conserve para cima os cantos da boca. Esconda as suas dores, seus desapontamentos e inquietações sob um sorriso. Ria de historias boas e aprenda a contá-las. 

 6 - Conserve a mente aberta para todas as questões da discussão. Investigue, mas não argumente. É marca de ser superior... discordar e ainda conservar a amizade.

 7 - Deixa as suas virtudes falarem por si mesmo e recuse a falar das faltas e fraquezas dos outros. Desencoraje murmúrios. Faca uma regra de falar coisas boas aos outros.

 8 - Tenha cuidado com os sentimentos dos outros. Gracejos e humor não valem a pena e freqüentemente magoam quando menos se espera. 

9- Não faca caso das observações más a seu respeito. Só viva de modo que ninguém acredite nelas. Nervosismo e indigestão são causas comuns para maledicência. 

10 - Não seja tão ansioso a respeito de seus direitos. Trabalhe, tenha paciência, conserve seu temperamento calmo, esqueça de si mesmo e recebera a sua recompensa